Trabalhe com a EFT em três áreas   Você me conta sobre o seu problema com o aumento hormonal e me pergunta como trabalhar a EFT para isso. Eu costumo dizer que é necessário (ou pelo menos ideal) trabalhar com a EFT sob três diferentes enfoques: 1) Sintoma externo: fazer a EFT pelos sintomas, pelo que você sente no corpo. Muitas vezes os sintomas físicos expressam bem a emoção e assim pode-se chegar ao âmago do problema. Seria contraproducente trabalhar a EFT apenas para o “aumento dos hormônios” em si, pois somente isso traria um resultado quase que nulo. 2) Sentimentos relacionados: veja a sua ansiedade, preocupação e medo devido ao aumento dos hormônios e até à queda dos cabelos. Esses sentimentos devem ser tratados um a um, até dissolvê-los. Como seria possível tratar o problema se paralelamente existem tantos sentimentos negativos? 3) A causa em si: é quase certo que há uma causa emocional por trás desse aumento de hormônios. É sempre bom pesquisar para achá-la. Enfim, eu sugiro você começar a aplicar a EFT de acordo com o manual (você pode baixá-lo gratuitamente em meu site). Caso você sinta que não consegue acessar os sentimentos mais profundos, então talvez valha a pena um acompanhamento de um terapeuta. Mas não desista! O pouco que você fizer com a EFT já terá benefícios. Se persistir, você estará no seu caminho da autocura.   * * *   Preocupações por dinheiro Não se preocupe em relação às questões financeiras. Pelo contrario, aplique a EFT com o propósito de deixar de se preocupar! Isso faz com que a energia vibracional comece a funcionar da maneira certa e o dinheiro virá como consequência. Veja em meu site alguns vídeos relacionados à saúde financeira e prosperidade (aqui)   * * * EFT para os olhos e para curar a miopia   Tudo é possível com a EFT. Eu costumo dizer que ela não cura, mas ela traz o equilíbrio para que assim a gente possa chegar ao caminho da autocura! Conheço gente que diz ter resolvido muito de seu problema de miopia com a EFT. Eu inclusive! Mas não posso dizer que o problema se resolve cem por cento, uma vez que isso envolve um defeito físico. Mas, como eu fiz? Eu trabalhei as emoções: estresse e raiva. Também, trabalhei a maneira de como eu gostaria de ver o mundo e como o mundo gostaria de me ver. Eu ainda tenho miopia e astigmatismo, mas diminuí uma media de 2 graus (antes era 3, agora é 1) em cada olho, e estou tranquilo e enxergo bem.
Facebook Comments Box
Leave a Reply

Your email address will not be published.Required fields are marked *